Nem sempre você vai voltar para a casa acompanhada, e está tudo bem ...



Era uma segunda-feira de carnaval, eu só queria curtir um pouco. Depois de já ter bebido alguns copos decidi responder a mensagem de um cara, naquele momento eu não tinha mais opções, mas tinha uma certeza ABSOLUTA, eu não queria terminar a noite sem ninguém.

Respondi a mensagem por pressão e carência, fui ao encontro desse "pretendente", fomos para um local no qual eu me senti totalmente desconfortável, eu só queria ir embora mas não podia, eu tinha que terminar a noite com alguém!

No meio daquele quarto eu não consegui sentir muito, eu não consegui sentir prazer e só queria ir logo para a casa. No outro dia eu senti um peso no corpo, eu me senti vazia. Eu estava mais uma vez desperdiçando toda a minha energia em locais e pessoas ruins, no qual não tinham nada a ver comigo..



Mais uma vez eu não me ouvi e decidi tentar outra vez. Tentei outra vez ... Eu juro que tentei que desse certo mas meu corpo reagiu as minhas emoções e eu passei mal, eu senti como se a minha alma não estivesse ali, como se meu corpo não me pertencesse mais. Por que eu estava fazendo aquilo comigo? Não era justo, eu precisava PARAR voltar três casas e me amar, mas que droga!!!

Depois daquele dia, daquele último encontro eu decidi de uma vez por todas que eu não queria mais sentir aquele desconforto, e tomei uma decisão: esse corpo, essa boca e esse coração aqui vão ficar um bom tempo fechados para BALANÇO, enquanto eu não souber lidar com meus traumas. 

Nada de Tinder, nada de Happn, sem mensagens no Whatsapp, sem me preocupar em ter que ficar com alguém no fim da noite. Confesso que não está sendo fácil, a mulher solteira é sempre pressionada a estar com alguém, ficando com alguém, namorar com alguém, e eu já estou há dois anos solteira mas sempre com alguém, acho que chegou meu momento de solitude, é isso CHEGOU GRAZIELA FINALMENTE CHEGOU! 



CALMA AÍ! Eu não estou querendo dizer que esse vai ser meu status para sempre, SOLTEIRA SEM NINGUÉM, sei que eu vou encontrar alguém bacana, ou esse alguém vai me encontrar.. Mas eu sinto que esse momento esta longe de chegar, porque tenho tanta coisa pra viver, tanta coisa pra sentir, e tudo isso sozinha! 

UM RECADO PRA VOCÊ que se auto sabota emendando um relacionamento no outro, que se sente mal quando volta da noitada sozinha, que checa o Whatsapp de minuto em minuto esperando uma mensagem de alguém, que baixa milhões de aplicativos e fica lá por horas imaginando como seria se desse certo com algum daqueles caras, que se arruma pensando em como pode chamar a atenção deles, que tira milhões de fotos para parecer atraente e atingir olhares, que se pergunta, o que tem de errado comigo? ... 

SE OUÇA, ouça dentro de si o seu coração e sua mente pedindo descanso, antes que o seu físico comece a pedir socorro. Quando o nosso emocional não suporta mais, ele apela para o físico: e ai vem às doenças, as dores, o mal estar. 



VALE MUITO A PENA FICAR SOZINHA vale muito a pena se autoconhecer e saber gostar da própria companhia, escrever e falar é mais fácil do que fazer, mas se você não experimentar ficar sozinha e enfrentar o seu mar de intensidade, você vai viver sempre procurando algo que se aprofunde nesse mar, quando quem tem que enfrentar as ondas desse mar é você mesma!


Não faça como eu! SIGA EM FRENTE, ESCUTE VOCÊ MESMA e não se coloque em situações e locais no qual você não se sente bem. Sua saúde emocional em primeiro lugar, você em primeiro lugar.

Um comentário:

  1. Grazi, incrível! É isso mesmo! Algumas vezes nós achamos que precisamos ter uma companhia mas quantas e quantas vezes estamos com companheiros que não nos faz feliz? Que não nos acrescenta nada?
    Ótimo post e reflexão! Que a gente viva mais livre desses conceitos e possamos ficar sozinhas e bem!

    ResponderExcluir

• Não serão aceitos comentários grosseiros
• Deixe o link do seu blog ao final do comentário
• Parcerias só em contato

Tecnologia do Blogger.