UMA NOVA PERSPECTIVA SOBRE SORORIDADE

Ilustração: Moreiras
É natural ouvirmos hoje a palavra “sororidade” com muita frequência, principalmente pelo gênero feminino. Quando falamos em sororidade, pensamos em apoio, união, empatia, uma aliança entre mulheres afim de agregar. Acontece que, todos esses atributos do significado da palavra não estão sendo vistos por muitas mulheres, pois é difícil construir algo novo dentro do que a muito tempo foi ensinado, é natural essa crença de mulheres sempre disputando entre si, mas as coisas estão mudando e eu quero te levar a ver tudo isso de uma forma diferente, vamos lá:

Quando pedem para que você siga algo, é mais difícil quando você não entende e nem desmistifica na tua mente todo o passado que te põe como rival desse algo, como é o caso da palavra sororidade. Fomos criadas a ver a rivalidade feminina como algo “natural” e não adianta, a nossa sociedade é assim, desde o colégio lidamos com aquela competição de ser a mais bonita da sala, e no trabalho, tem sobre qual é mais comunicativa; enfim, estamos acostumadas a estar sempre em batalha, como se não tivesse espaço para todas, e isso impregnou na cabeça de muitas mulheres.

Sororidade é o que tem de mais simples na natureza humana. É você se despir do seu egoísmo, do seu orgulho em querer ser o que os outros querem que você seja, é alcançar o entender do outro, compreender. Significa aceitar a forma de cada uma ser e não desmerecer e nem desprezar. É não ser acusadora e muito menos absorvedora. Você só precisa entender que ninguém é igual!

A maioria que pede para ser entendida e acolhida pela sororidade, não dá em troca o seu fluir, e é estranho como o ser humano força situações. (Ei, situações forçadas não te levam a nada!) Vou aproveitar para te deixar uma reflexão: Você enxerga as mulheres ao seu redor com amor? Será que você entende elas? Será que você as apoia e fica feliz com a felicidade delas?

Se lá no fundo você se incomoda, ok, isso não é vergonhoso, até porque, tudo cabe mudanças e essa é a hora de você se aproximar dessa palavra e entender quais são os motivos que te afastam dela. Só de você querer mudar já abre muitos caminhos. Mas calma, você não precisa ficar se monitorando o tempo todo, é só você ser você, pois nós mulheres somos acolhedoras, isso é do nosso instinto, então deixe que isso se aflore.

Essa posição de querer dominar de forma agressiva é o instinto masculino que essa sociedade patriarcal nos moldou. Acho importante ressaltar que mesmo apontando os defeitos da sociedade atual, não significa que o erro está somente lá fora, significa que você precisa acertar, porque só assim outras pessoas irão acertar e ai o mundo, aos poucos, vai mudando também, até que, vai chegar um dia que todos vão entender que é muito melhor enxergar as pessoas com doçura do que com amargura, é muito melhor valorizar a vida humana, valorizar a vida dos seus semelhantes, pois nada nesse mundo é feito sozinho, ninguém nesse mundo se faz sozinho (...)

Precisamos sempre do outro, então vai, pare com seu egoísmo e veja o mundo lá fora de uma forma mais unida. Coisas transformadoras acontecem quando você trata o outro como gostaria de ser tratado.

Vai, pratique a sororidade (:

Nenhum comentário:

• Não serão aceitos comentários grosseiros
• Deixe o link do seu blog ao final do comentário
• Parcerias só em contato

Tecnologia do Blogger.